Conversion Hero

Você perguntou, nós respondemos! (Segunda Edição)

Foi com enorme satisfação que lançámos pela segunda vez o desafio aos nossos leitores de nos fazerem perguntas, fossem elas perguntas de teor técnico, curiosidades sobre as nossas vidas pessoais, ou qualquer outro tipo. Infelizmente ainda houve alguns  comentários de blogueiros que realizaram perguntas relacionadas com formas de melhorar seus blogs, o que infelizmente não podemos responder nessa postagem por não se enquadrar com a temática da iniciativa (esta iniciativa não é uma sessão de consultoria), mas também recebemos perguntas interessantes e pertinentes de outros leitores, o que resulta em mais um artigo muito interessante de perguntas e respostas, que aqui partilhamos agora consigo.

Na próxima edição esperamos poder contar com mais participações de leitores, os quais poderão ganhar alguma visibilidade com suas perguntas pertinentes e de qualidade. Esta segunda edição recebeu bastante mais perguntas que a primeira, e esperemos que seja possível tornar esta iniciativa cada vez melhor e com maior participação. Este artigo tem cerca de 8500 palavras, demorou mais de 5 horas a produzir, tem muito conteúdo de qualidade que pensamos pode ajudar muitos blogueiros, portanto, pegue uma chávena de café e aproveite a leitura! Queremos saber quais são suas dúvidas, curiosidades sobre nós, ou qualquer outra coisa que lhe passe pela cabeça! Entretanto, eis as nossas respostas a todas as perguntas da postagem Faça Perguntas aos Autores da Escola Dinheiro (Segunda Edição):

É possível utilizarmos os emails que ficam nos comentários para depois enviar a newsletter do blog? (por Luciano Larrossa)

Paulo Faustino: Ser possível é, e até é um processo bastante simples de se realizar. Utilizando o PhpMyAdmin, basta ir à tabela de comentários do banco de dados, exportá-la e depois utilizar os endereços de email. No entanto, recomendo que caso o deseje fazer, deixe isso explícito na sua página de política de comentários ou nos termos de utilização do seu site ou blog. Com a quantidade de directrizes que existem hoje em dia a regular o envio de emails e newsletters, é necessário que existam regras explícitas e bem delineadas no seu blog.

Muhammad, você já teve alguns exemplos de empresas de forex que tenham ficado com o dinheiro dos seus inscritos? Faço esta pergunta porque acho estranho muitas empresas oferecerem garantias de rentabilidade desde que se deposite uma determinada quantia. (por Luciano Larrossa)

Muhammad Satar: Caro Luciano, não, a mim não me aconteceu. Mas recebi por exemplo ontem um e-mail da AVAfx cuja estratégia de Marketing é muito “ruim”: vêm praticamente garantir rentabilidades no Forex. Isto pode ser muito enganador para pessoas que não saibam o que é alavancar um investimento e não tenham noção que o Forex envolve risco. Citando o que estava nesse e-mail:

LUCRE COM A CRISE NO EURO
Abra e Deposite em sua Conta Nova – Receba até $/€1500 Bônus *.

Recentemente o Euro tem se tornado um ponto focal em negociação devido à crise Européia. Agora é sua grande oportunidade de ter grandes retornos com a constante flutuação do mercado. À partir da metade de Setembro até o começo de Novembro, o mercado subiu de 1,2850 à 1,4250. Isso representa uma movimentação de 1400 pips em menos de 2 meses, após houve uma correção para 1,2970 no mês passado.

Exemplo: Trader A investiu $1000 e comprou 25,000 EUR/USD ao preço de 1,30 utilizando os indicadores da Ava, com uma modesta alavancagem de 32:1. Após identificado o movimento no mercado que fez com que o EUR/USD caisse o Trader A decide fechar a posição com $2500 de lucro. Agora, o Trader A tem 3500$ em sua conta e decide entrar em uma posição em venda de 50,000 EUR/USD à 1,40. Ele manteve a posição até 1,30. Com isso, obteve um lucro de 5000$. Agora, o Trader A tem 8500$ na conta, o que significa um lucro de 750% em menos de 3 meses com somente 1000$ de risco.

Por mais confiável que a empresa seja, este tipo de marketing pode enganar qualquer pessoa com escassos conhecimentos em Forex. Modesta alavancagem de 32:1? É uma alavancagem relativamente alta, ou seja, é expor o nosso dinheiro 32 vezes, de 1000$ para 32.000$. E depois pergunto-me: Como é que o trader vai identificar o movimento? Como é que o trader sabe que está na tendência certa no momento certo? Como é que o trader saberia como encerrar a transacção? Podia questionar-me mais, mas este tipo de e-mails que recebemos podem ser de tal forma traiçoeiros que levam a abrir conta com exactamente 1000$ e a perdê-los não em 3 meses, mas em 3 dias. O único alerta que posso fazer é que tenham realmente cuidado com a alocação dos vossos investimentos. Quanto aos bónus, tenho utilizado muito na Alpari UK. Têm determinadas restrições mas entram mesmo na conta e os “bónus são garantidos”, ou seja, a Alpari paga mesmo os bónus ao trader.

Paulo, gostaria de saber o que você pensa a respeito de sites PTC (Paid To Click) / GPT (Get Paid To), Binários e HYIP’s. Quanto aos PTC’s e GPT’s me refiro a sites como NeoBux e não a AdSense e companhia. (por Rubens)

Paulo Faustino: Sinceramente, acredito cada vez mais que os sites PTC e GPT são uma autêntica perda de tempo. Não só pelo facto de os ganhos serem ridiculamente baixos, mas também pelo facto de ser uma área onde existem muitos Scams, ou seja, empresas fraudulentas que nunca chegam a pagar os ganhos aos seus usuários. Depois detesto também o modelo de negócio por detrás desses projetos, em que o intuito é “forçar” os usuários a lerem sites, blogs e emails para ganharem dinheiro, expondo determinados produtos e serviços a eles mesmos. Não falámos mais sobre esse assunto aqui no blog por essas razões, mas principalmente porque nosso foco é ajudarmos nossos leitores a construírem projetos sustentáveis e de qualidade. Projetos que a longo prazo façam a diferença na internet e possam ser verdadeiros modelos de negócio credíveis e de qualidade. Os PTC e GPT não entram portanto nessa nossa visão, daí que a gente não fale deles, não goste deles, e muito menos os recomende. Com pouco esforço é possível ganhar dinheiro de forma muito mais credível com empresas como a Netaffiliation.

Devo mesmo lançar mão de promoções para “incentivar” os leitores a assinarem a newsletter ou isto não é considerado uma boa estratégia? (por Ricardo Bernardi)

Paulo Faustino: Incentivar seus leitores e usuários a subscreverem seu blog é uma estratégia muito importante e que você não deverá descurar. Independentemente de você oferecer seja o que for em troca, é muito importante tentar fidelizar seus leitores e levá-los a subscreverem seus conteúdos. Nós fazemos isso de forma muito eficiente com o PopUp Domination e o PTSender para envio de emails, e recomendamos sempre para nossos leitores que tentem canalizar ao máximo seus usuários para suas listas de emails. Recentemente escrevemos duas matérias muito interessantes sobre isso. Considere lê-las:

Meu blog é quase todo voltado à vídeo aulas, eu deveria fazer mais artigos em texto para que os buscadores tenham mais conteúdo indexado ou isso não é importante? (por Ricardo Bernardi)

Paulo Faustino: Se você reparar, sempre que fazemos uma vídeo aula, procuramos sempre escrever um bom texto para acompanhar o vídeo. Veja por exemplo os artigos sobre Como aumentar em mais de 350% os subscritores do seu blog ou então Como gerar mais tráfego nas postagens mais antigas do seu blog. Em ambos os exemplos, utilizamos vídeo-aulas, mas fazemos sempre algum texto de qualidade para acompanhar o vídeo. Isso é importante por duas razões: primeiro porque você quer que seu artigo seja encontrado pelos motores de busca e segundo porque você quer dar a seus usuários o máximo de informação e conteúdo possível. Recomendamos sempre que se produza algum texto, ou resumo do vídeo, por esses aspectos referidos anteriormente. Se seu blog é voltado para as vídeo-aulas, faça-as acompanhar sempre de um texto ou resumo.

Gostaria de saber, se é interessante, num blog de notícias regionais, utilizar esses sistemas de forex, num Blog que fala sobre o Recôncavo Baiano, no Brasil. (por Zevaldo Sousa)

Paulo Faustino: A contextualização de conteúdos é sempre muito importante. Falar de Forex num blog que nada tem a ver com Forex pode ser muito negativo e destruidor para seu blog, principalmente se seus leitores não se identificarem com esse tipo de conteúdos. Nós falamos de Forex na Escola Dinheiro porque nosso blog tem como intuito principal ajudar blogueiros, webmasters e usuários a ganhar dinheiro na internet de várias formas, sendo o Forex uma delas. Tente contextualizar seus conteúdos e se por ventura gostar de Forex, considere criar um novo projeto só para abordar essa temática, por exemplo.

Eu gostava de saber se existe algum sitio especial para encontrar inspiração para artigos de entretenimento. (por Jóni Oliveira)

Paulo Faustino: Normalmente a inspiração pode ser encontrada de diversas formas, independentemente da área ou nicho de mercado. Ler outros blogs, seguir pessoas ou projetos no Twitter, consultar regularmente agregadores de conteúdo tipo Ocioso, entre outras estratégias, são formas muito eficientes de encontrar inspiração. A melhor forma de saber o que funciona melhor ou pior em blogs da sua área, e seguir outros blogs, analisar o impacto de seus conteúdos e estar constantemente procurando novos projetos de qualidade para seguir. Embora aquilo que funcione para eles possa não funcionar para si, não deixe de ser uma forma interessante se inspiração. As revistas, magazines, rádio ou programas de TV são também uma excelente fonte de inspiração, tal como os livros e outras. Quanto mais informação conseguir consumir sobre a sua área, maior é a probabilidade de estar constantemente inspirado.

É possível ter sucesso na blogoesfera em part-time? (por Filipe Brigida)

Paulo Faustino: Ter sucesso com um blog não é algo que esteja dependente de um trabalho a part-time ou full-time, mas sim da capacidade e vontade de cada um em ser melhor e atingir objetivos. Considere ler os seguintes artigos: Blogueiro em part-time ou full-time? e Como criar e gerir um blog em part-time. Independentemente do tempo que você tem para gerir o seu blog, as expectativas, objetivos e capacidade de trabalho devem estar alinhadas corretamente com a suas possibilidades. Se você só consegue escrever 2 artigos por semana, é importante compreender quais os melhores dias para os postar, como marketizá-los corretamente e como conseguir atrair usuários para o seu blog, mesmo tendo pouco conteúdo regularmente. Existem muitos casos de sucesso de blogueiros profissionais que começaram em part-time e acabaram por deixar seus empregos para se dedicarem a seus projetos na internet. O problema não está em bloggar em part-time ou full-time, mas sim na capacidade que cada um tem (ou não tem), de sacrificar algumas coisas da sua vida em prol do crescimento do seu blog. Se você quer um dia ser blogueiro profissional, isso só está dependente do seu crer e da sua vontade de atingir esse objetivo.

É possível ganhar algum dinheiro com um site de vídeo aulas? apenas postando vídeo tutoriais? (por Maycon Mazzo)

Paulo Faustino: É perfeitamente possível ganhar dinheiro com um blog de vídeo tutoriais. No entanto e como referido numa das perguntas anteriores, é muito importante que você escreva sempre pelo menos dois parágrafos de texto para acompanhar seus vídeos. Dessa forma você melhora a indexação de suas páginas e com seus vídeos você “vende” seu blog. Acredito que um blog de qualidade só com vídeo tutoriais pode realizar bastante dinheiro, especialmente com o programa parceiro do Youtube. Leia mais sobre esse assunto em nosso artigo sobre ganhar dinheiro com vídeos no Youtube.

Como desabilitar widgets na barra lateral de um blog WordPress? (por Celival Lobo)

Paulo Faustino: Se você arrastou um widget do painel central de widgets do seu blog, colocou lá dentro do código HTML de um qualquer banner ou funcionalidade e seu blog quebrou, para reverter essa situação você apenas de abrir o widget e clicar em excluir. Essa forma você desabilita esse widget e teoricamente seu layout voltará à forma inicial. Veja:

Clicando em Excluir, você desabilita/elimina esse widget da barra lateral de seu blog.

Quais são os Conselhos dados a Webmasters que apostam em Projectos Generalistas e pretendem obter bons rankings? (por Tomé Mendes)

Paulo Faustino: Os conselhos para blogueiros que optam por bloggar em nichos de mercado generalistas não são muito distintos dos conselhos que damos para quem trabalha em nichos de mercado. Embora um blog generalista seja teoricamente um desafio maior, para conseguir bons rankings é necessário escrever conteúdo de qualidade e que seus leitores desejem linkar. Obter links de outros sites e blogs, de forma orgânica, é e será sempre o seu maior desafio. Concentre-se em participar de agregadores de conteúdo tipo Ocioso, e levar seus conteúdos ao maior número de usuários possível. Se seus conteúdos tiver interesse e forem relevantes, é natural que alguns de seus leitores linkem de volta para eles. Seu trabalho é muito idêntico ao de um blog de nicho, no entanto, em termos de otimização para motores de busca, especialmente e no que concerne à homepage do seu blog, é igualmente importante que você decida qual área pretende atacar. Se você pretende chegar à primeira página do Google para Entretenimento ou Humor, seu blog deverá refletir isso no Title, nas Meta Tags, na Descrição, etc. Todos esses pormenores em termos de otimização para buscadores são essenciais para conseguir um bom rankeamento global.

Gostaria de saber se seria uma boa aposta, iniciar um Projecto no Nicho da Engenharia Civil/Arquitectura na Internet e que tipo de conteúdos seriam oportunos colocar para ter sucesso? (por Tomé Mendes)

Regina Santana: A Engenharia Civil é uma área interessante, mas que do ponto de vista da internet é capaz de não ter muita rendibilidade. A não ser que o objetivo seja promover-se a si próprio enquanto profissional da área, será bastante difícil conseguir ganhar dinheiro com um projeto desse tipo. A Arquitectura já é uma área mais interessante e onde alguns conteúdos relacionados com boas práticas, roundups de fotografias, arquitectura ecológica e temas mais diversificados poderão ter algum sucesso. Não sei até que ponto é que funciona, dado que nunca experimentei bloggar nessa área, mas certamente que é um desafio muito grande.

Já foi comentado aqui várias vezes da importância de se divulgar novos posts do blog em redes sociais e outros locais de divulgação, mas no seu ponto de vista e experiência qual seria a rotina ideal neste processo de atualização? (por Eder)

Paulo Faustino: A estratégia que utilizamos passa muito por enviar para os agregadores de conteúdos as postagens que consideramos serem uma mais-valia e que têm maiores chances de serem aceites. Não existe grande interesse em enviar todos os dias se você sente que seu artigo provavelmente não será aceite. No entanto, existem alguns agregadores como o Dihitt, em que diariamente colocamos todas as nossas matérias, pois nosso objetivo não passa por ganhar tráfego, mas sim ter links permanentes apontando para nossos conteúdos. Os agregadores tipo Ocioso servem para você ganhar tráfego no imediato. Todos os outros servem para você ganhar links Follow e NoFollow para suas matérias. Um misto entre ambas as coisas é do nosso ponto de vista a estratégia perfeita.

Você acredita que hoje é possível ter sucesso com um blog sem a divulgação do mesmo nas principais redes sociais, ou seja, somente através de buscas orgânicas do Google? (por Alexandre Cordeiro)

Paulo Faustino: Acredito que é possível ter-se sucesso em praticamente todos os modelos estratégicos, seja focado apenas nas mídias sociais, seja focado apenas no Google e nas buscas orgânicas. Na verdade você não precisa do Twitter e Facebook para criar um blog de qualidade e conhecido, no entanto se as usar, seus processos serão bastante maia rápidos e sua alavancagem é muito maior. É possível ter sucesso sem usar mídias sociais, mas é muito importante ter em consideração que nos dias de hoje, você quer estar onde seus usuários estão. E se eles estão nas mídias sociais e consomem conteúdos por lá, não faz sentido você estar perdendo essa oportunidade.

Você fez muitas palestras ultimamente? Quando vem para o Brasil palestrar? (por Alexandre Cordeiro)

Paulo Faustino: Este ano foi a primeira vez que começámos a palestrar e felizmente tivemos vários pedidos e comparecemos em algumas palestras muito interessantes para partilharmos nossos conhecimentos e nossas experiências. Na primeira metade do ano participámos de 4 palestras, mas na segunda metade a demanda foi um pouco menor. No entanto, já temos palestras agendadas para 2011, o que é muito positivo. Quanto ao palestrar no Brasil, infelizmente ainda não surgiram oportunidades e convites, mas acreditamos que no futuro e dado o enorme interesse dos usuários nesse tipo de iniciativas, que as oportunidades acabarão por surgir e nós acabaremos por viajar até ao Brasil e partilharmos in loco as nossas experiências.

Gostaria de saber, em termos de tráfego que programas como o Micro Niche Finder ou Market Samurai estimam, qual o limite mínimo a partir do qual é possível ganhar dois ou três euros por dia em adsense. Falo de produtos com keywords por exemplo assim “bolas de golfe em segunda mão”. Será que se esses programas me disserem que o tráfego é de 100/dia vale a pena? e 200/dia? Quais os requisitos mínimos para criares um site de nicho? É preciso investir muito em optimização? (por Sylvia B.)

Paulo Faustino: Antes de mais é importante referir que não sou utilizador de nenhum desses softwares e que portanto não tenho experiência na utilização dos mesmos. No entanto e relativamente à situação dos sites de nicho para ganhar 1EUR, 2EUR ou 3EUR por dia em Adsense, tenho uma opinião que vai contra a da grande maioria dos utilizadores desse tipo de ferramentas. Criar dezenas de sites de nicho para conseguir ganhar dinheiro com Adsense é do meu ponto de vista uma estratégia errada. É muito preferível criar sites em nichos de mercado para tentar uma rentabilização com programas de afiliados. Existem muitos programas de afiliados extremamente rentáveis e que numa só conversão realizam 30 ou 40 vezes mais dinheiro que um dia com Adsense. Basta procurar um pouco em plataformas como a Netaffiliation ou a Hifficiency e rapidamente encontrará programas a pagar 20, 30 ou 200 euros por conversão, como por exemplo nas apostas online, entre outros. Quanto à questão da otimização, ela é de facto um fator muito importante no sucesso do seu blog de nicho, pois um bom posicionamento significa maior tráfego orgânico e consequentemente mais conversões. Não digo que seja necessário investir dinheiro para conseguir bons posicionamentos, mas é certamente necessário algum trabalho e conseguir um perfil de Linkbuilding de qualidade para que o site se posicione acima da concorrência.

Quero refazer/reformular meu sitio e não mais usar um CMS proprietário como faço atualmente. Comecei a estudar o Joomla e o julguei apropriado. Depois recebi incentivos e orientação para avaliar o uso do WordPress. Que diferenças existem, que recursos um tem e outro não? (por Roberto Lima)

Paulo Faustino: Como grandes aficionados do WordPress que somos, penso que não me restam grandes alternativas senão recomendar-lhe o WordPress. No entanto e dado a sua pergunta, eu diria que o WordPress tem muitas vantagens face a toda a sua concorrência: uma comunidade maior, uma curva de aprendizagem bem mais rápida e simples, muitos templates wordpress gratuitos e pagos, muitos plugins e uma expansibilidade muito maior do que qualquer outro CMS. Acreditamos que no futuro o WordPress será usado pela grande maioria dos internautas para criar projetos de qualidade, e ao longo dos últimos 5 anos ultrapassou toda a concorrência (incluindo o Joomla) em número de usuários, que hoje são dezenas de milhões. Em termos de otimização para motores de busca o WordPress é também ele fantástico. Penso que o problema do Joomla é o seu interface mais complexo e com uma curva de aprendizagem bem maior. O WordPress é mais fácil de usar, mais simples de aprender e muito mais intuitivo. E tem também uma comunidade muito maior, pelo que é muito fácil você encontrar plugins, extras, códigos, templates e tudo mais, com muito maior facilidade.

Meu sitio trata de turismo, abordando dados e características de muitas cidades e pensei em usar subdomínios. O uso de muitos subdomínios poderia ser prejudicial na avaliação do Google? (por Roberto Lima)

Paulo Faustino: Dependendo da forma como pretende usar os seus sub-domínios, não vejo qualquer inconveniente na utilização dos mesmos, antes pelo contrário. Um sub-domínio quando bem utilizado apenas reforça o domínio principal e isso é muito bom em termos de otimização para buscadores. Conheço vários projetos que utilizam muitos sub-domínios para alojar vários blogs de áreas diferentes, e todos eles reforçam imenso o domínio principal. Se o seu objetivo é usar sub-domínios para criar projetos de nicho para cada uma das cidades, a estratégia parece-me perfeitamente, lógica e muito interessante.

Com que idade você acredita que um blog pode começar a ter um número de visitas razoáveis dos buscadores, e a partir de que número de posts publicados? (por Matheus)

Paulo Faustino: Um blog precisa pelo menos de 6 meses de trabalho até começar a ganhar alguma maturação e autoridade, e com isso começar a receber uma boa visitação dos mecanismos de busca. Não existe um número certo para artigos, uma vez que isso depende de vários fatores, mas nossa experiência diz-nos que a partir dos 100 conteúdos de qualidade as coisas tornam-se um pouco mais fáceis. Em termos de monetização a história é muito parecida. Alguns de nossos projetos só se começaram a mostrar realmente rentáveis a partir dos 200/250 artigos e quando o blog realmente alavancou e começou a gerar tráfego de qualidade.

Gostaria de saber se posso usar o encurtador de URL (tipo usado no twitter) para divulgar, e ao mesmo tempo esconder, os links de programas afiliados? (por Testados e Aprovados)

Paulo Faustino: Os encurtadores de URLs são uma excelente forma de esconder os endereços de afiliado de programas de afiliados. Pode usá-los sem dúvida para esse fim, mas tenha em consideração que existem opções um pouco mais fiáveis e mais fáceis de monitorizar. Falámos de algumas delas neste artigo: Netafilliation – Novidades e mais dinheiro para afiliados.

Gostaria de saber até que ponto vale criar promoções, ebooks, arquivos e artigos virais, etc. para promover um site? Na sua opinião, existe um indicador que “diga”: vale a pena investir nesse blog? (por Anderson Chipak)

Paulo Faustino: Não sei até que ponto entendi bem a sua pergunta, mas criar produtos virais, ebooks, promoções e outro tipo de conteúdos gratuitos como forma de promover um site ou blog é uma das estratégias de marketing mais funcionais do momento. Quando lançámos oficialmente nosso Ebook Grátis sobre Como Criar um Blog, nossa estratégia foi focada essencialmente nesses parâmetros. Queríamos oferecer algo de qualidade à comunidade, mas também que a blogosfera falasse de nós, de nosso produto e que com isso chegássemos a mais pessoas que ainda não nos conheciam. Produtos gratuitos são excelentes formas de marketizar um blog, e normalmente não requerem investimento em termos de dinheiro. Quanto à questão dos indicadores de investimento, quando procuro um local para anunciar um projeto tenho em consideração vários fatores: quantidade de tráfego mensal, origem do tráfego (interessa maioritariamente o tráfego orgânico, claro), países do tráfego (se pretender anunciar para o Brasil ou para Portugal, é um dado muito importante), pageviews e tempo de permanência, número de subscritores, número de seguidores no Twitter, número de fãs no Facebook, e preços claro. Mas normalmente um blog que tenha algum tráfego de qualidade é à partida um bom indicador de investimento.

Nos nichos o que é mais importante? O SEO praticamente impecável, artigos bem escritos, ou ambos? (por Adriano)

Paulo Faustino: Conforme já referi anteriormente em outras perguntas, a otimização SEO em sites de nicho é fundamental e dita muito do sucesso do projeto. Num nicho de mercado, estar bem posicionado para receber tráfego orgânico é fundamental para conseguir conversões e com isso ganhar dinheiro. No entanto, o tráfego orgânico dos buscadores é necessário ser compreendido como pessoas que estão procurando coisas específicas, e isso significa que elas terão maior tendência para comprar caso os artigos tenham qualidade e argumentos para tal. Portanto, respondendo à sua pergunta, ambas as coisas são muito importantes no sucesso de um site de nicho.

Regina, sabemos que hoje a aparência do site é um fator principal para que o visitante tem uma boa impressão sobre o mesmo, com o surgimento do Google Instant Preview os layouts se tornam ainda mais importante ? (por Adriano)

Regina Santana: A aparência de um site é muito importante para se conseguir cativar o leitor. Com a imensa concorrência que hoje existe, ter um layout bonito e bem estruturado acaba por ser quase uma missão obrigatória. Quanto ao Google Instant Preview, penso que ele não trará nada de novo à forma como as pessoas pesquisam por conteúdos, dado que ele obriga a um clique para que seja ativado e então o utilizador possa ver o preview visual do site. Além disso, é muito complicado avaliar o aspecto de um site ou blog por uma pré-visualização tão pequena. Ainda assim, a qualidade e estrutura de um layout é muito importante em vários aspetos, e independentemente do Google Instant Preview, continuará a ser.

Como saber se um empresa de Forex é de confiança ou não? (por Adriano)

Muhammad Satar: Caro Adriano. Depende. Por que quer saber se a empresa é de confiança? Podia analisar os resultados da empresa (análise fundamental) e eles podiam estar nos conformes mas podiam ser falsos. Eu diria que para saber se uma empresa é de confiança, ou seja, se a sua equipa directiva é de confiança e não anda a fazer coisas que não deve fazer, só mesmo estando na direcção da mesma ou porventura trabalhando nela. Também pode ter em conta os rumores que circulam sobre a dada empresa. A Análise Técnica também não lhe dará muitas indicações sobre isso. Mas…é mesmo muito relativo e dir-lhe-ia que existem livros com o tema “Como saber se a empresa X é de confiança?”.

Diante do crescimento espantoso do Facebook, o que acontecerá com o Google? O que você acha? Será que para sobreviver um dos dois terá que adquirir o outro? (por Water)

Paulo Faustino: Não tenho grande opinião formada sobre o assunto, mas acredito que o Facebook e a Google são duas empresas com modelos de negócio diferentes, com actuações de mercado diferentes e com objetivos diferentes. Não vejo que haja necessidade de uma comprar a outra, ou que a internet seja pior/melhor por ter dois colossos desse nível. Quando você ter entretenimento e partilhar coisas com seus amigos, você usa o Facebook. Mas quando você pretende pesquisar na Internet, é o Google que você usa!

Será que é possível tornar um blog num blog de topo sem haver investimento em publicidade? Nem que para isso demoremos imenso tempo até alcançarmos o sucesso. (por Ricardo Silva)

Paulo Faustino: A Escola Dinheiro é um exemplo de como se pode criar um blog conhecido com pouco investimento. No início e até chegarmos onde chegámos, o nosso investimento em mais de 2 anos não passou os 300/400 euros na totalidade. No entanto temos outros projetos de qualidade e conhecidos que nunca sofreram um cêntimo de investimento e são referências nas suas áreas. Para conseguir atingir o sucesso com um blog sem investir dinheiro nenhum, é necessário dar muita importância às mídias sociais como o Twitter e Facebook, mas também aos agregadores de conteúdos, entre outros. Uma boa estratégia de marketing social evita qualquer investimento em termos publicitários. No entanto, investir é um processo natural e importante num blog. Ter a sua marca e a sua imagem em vários pontos da internet acelera e credibiliza mais rapidamente o crescimento do projeto.

Dos blogs que leio a maior parte deles não tem uma presença feminina no blog. Achas que isso é uma vantagem para a Escola Dinheiro? Nunca te interessaste por outra área mais ligada às mulheres? Por exemplo a moda, a psicologia, conselhos etc.? (por Ricardo Silva)

Regina Santana: Existem determinadas áreas que são mais interessantes para o público masculino do que para o feminino. Penso que a Escola Dinheiro não ganha vantagem por ter uma mulher na equipa, mas sim pelos seus conteúdos constantes e de preferência de qualidade. Mas não deixa de ser um dado curioso e interessante. Quanto ao gosto por outras áreas, obviamente que o tenho, mas infelizmente o tempo não me permite realizar mais projetos e estar em mais sítios. Ainda assim, ando a pensar seriamente num projeto a solo dedicado a uma área mais feminina e penso que seria interessante explorar e experimentar essa área! Mas…ainda não há nada definido quanto a isso. Para já é apenas uma ideia.

Achas possível começar a negociar Forex com apenas 1$ e ao fim de uns anos conseguir ter alguns ganhos? Quanto achas que demora por exemplo a duplicar uma banca dessas? (por Ricardo Silva)

Muhammad Satar: Acho muito difícil chegares a ter 50$ começando com 1$. Se alavancares a 1:500, transformar esse 1$ em 2$ pode demorar 30 minutos se nesses 30 minutos o par que negoceias alterar 0.2% (se não estou em erro), mas se alterar no sentido contrário da tua posição…a conta vai a zeros. Se alavancares a 1:50 e conseguires ao longo do tempo boas transacções e tiveres ganhos consistentes consegues duplicá-lo. Trabalhar com 1$ é o mesmo que 10, 100, 1000, 1000000$ no Forex, em termos de valorizações percentuais. Há que estudar muito em contas de demonstração. Considera o 1$ uma brincadeira.

Achas vantajoso pedir aos leitores através dos comentários do blog, para eles subscreverem a newsletter? (por Ricardo Silva)

Paulo Faustino: Penso que não há necessidade. Um comentário é algo importante num blog e estar constantemente a pedir aos utilizadores para tomarem decisões acaba por quebrar um pouco o impacto de determinadas acções. Deve-se fazer isso pontualmente em artigos, usando o PopUp Domination ou uma caixa de newsletter na barra lateral do blog. Nos comentários acho desnecessário e um pouco “agressivo” demais. Acaba por passar uma imagem de desespero que não é favorável.

Se o título é uma das partes mais importantes de SEO, é melhor escrever mais posts curtos ao invés de menos posts longos? (por Comprar pela Internet)

Paulo Faustino: A pergunta é pertinente e interessante, mas penso que poderá ter vários tipos de resposta. Tudo depende do que você quer atingir com o seu blog. Se o objetivo é criar uma comunidade interessante, os artigos mais longos explicam melhor determinados assuntos. Se o objetivo é tráfego e não propriamente criar uma comunidade, então mais artigos curtos poderá ser uma vantagem. Isto dependendo do nicho de mercado, claro. No entanto somos apologistas de artigos de qualidade e que ajudem os usuários. Se isso significa artigos pequenos ou grandes, tanto faz, mas o princípio deverá ser sempre o da qualidade e não o da quantidade.

Tenho um blog na plataforma blogger, você acha que não existe futuro e eu deveria mudar para wordpress ou existe formas de otimizar com SEO e monetizar o blog? (por Rudolfh Bantim)

Paulo Faustino: Como já referi inúmeras vezes, o Blogger embora seja um serviço interessante, controla demasiado suas atividades. Os conteúdos estão alojados em servidores da Google, e se por alguma razão a Google decidir encerrar seu blog, você fica sem anos de trabalho, tráfego e rendimentos. No WordPress isso não acontece. Você tem maior controlo sobre tudo, principalmente sobre os conteúdos, e em termos de otimização para buscadores penso ser um pouco melhor também. Existem mais e melhores ferramentas para otimizar um blog no WordPress. Não digo que o Blogger não tenha futuro, mas é um pouco limitador em vários aspetos, e isso acaba por condicionar o crescimento em certa forma.

Qual o melhor software, em termos de combinação de calendário, lista de tarefas, etc., para uma pessoa que queira organizar e planear as suas tarefas diárias e futuras? (por Elson)

Paulo Faustino: Nós organizamos nossos projetos, equipe, objetivos, agenda, tarefas, etc, através do Basecamp. É uma plataforma colaborativa muito interessante, compatível com smartphones e disponível 24h por dia a partir da internet. Já testámos outras, locais e para desktop, mas acabamos sempre por sofrer dos problemas comuns: esquecimento, falta de notificações por email, etc. Com o Basecamp mantemos tudo organizado, podemos exportar todos os dados, organizar corretamente tudo e nunca nos esquecemos de nada. No entanto existem muitos outros softwares para esse tipo de tarefas. O próprio iGoogle que junta calendário, tarefas, etc., é bastante funcional para algumas pessoas.

Segundo as diretrizes “Não é permitido colocar anúncios do Google Adsense em sites e blogs que tenham conteúdo adulto…”. O que, segundo o Adsense, vem de facto a ser “conteúdo adulto”? (por Selma)

Paulo Faustino: É importante não confundir conteúdo adulto com relacionamentos e afins. São coisas diferentes. Existem determinadas palavras, que puxam mais para o conteúdo erótico, sexo, etc., que a Google não permite que sejam associadas aos anúncios Adsense. Se ler as diretrizes do programa Google Adsense, poderá encontrar uma série de termos e exemplos de conteúdos que não deverá usar em seus sites caso pretenda monetizá-los com anúncios da Google.

Sendo tu um trabalhador independente, o que é necessário fazer para ser e estar colectado nas finanças sendo um trabalhador independente da Internet? (por Pedro Pinto)

Paulo Faustino: Estar coletado nas finanças é um processo simples. Basta dar início de actividade, escolher a área de actuação e comprar um livro de recibos verdes. A partir daí é começar a facturar, preferencialmente abaixo dos 10,000 euros por ano para aproveitar a isenção de IVA. No entanto poderá ler mais detalhadamente sobre esse assunto no artigo Os procedimentos legais de se tornar um Freelancer. No meu caso, utilizo uma área de prestação de serviços relacionada com a Informática, dado que não existiam actividades relacionadas com a Internet quando me colectei há uns anos atrás.

É possível revelar quais novos projectos ou novas apostas que vais fazer no Escola Dinheiro? (por Pedro Pinto)

Paulo Faustino: Brevemente vou falar um pouco mais sobre esse assunto num artigo que está preparado ainda para este mês e como rescaldo do ano de 2010. Para o próximo ano vamos fazer muitas coisas, vão surgir novas apostas, vamos criar mais conteúdo do que este ano e vamos também lançar mais produtos e produtos inovadores em termos de mercado. Não posso revelar muitos pormenores por razões óbvias, mas será um ano provavelmente ainda mais dinâmico que 2010.

Já há algum tempo que tenho pensado em criar um fórum associado ao meu blog, mas tenho receio que este me roube tráfego e comentários ao blog. Qual é a tua opinião em relação a isto? Achas que um fórum associado a um blog, pode enviar o blog para segundo plano? Quais as vantagens e desvantagens de ter um fórum associado a um blog? (por Miguel)

Paulo Faustino: Da minha experiência um fórum e um blog são coisas muito diferentes e uma não atrapalha a outra. Criar um fórum normalmente não retira utilizadores dos comentários ou da leitura dos artigos, antes pelo contrário. Um fórum é algo que tem como objetivo alavancar o blog e isso realmente acontece. Embora o nosso fórum de discussão não seja um espaço muito ativo ainda, porque também ainda não tivemos possibilidade de trabalhar nele com a dedicação que desejávamos, a verdade é que ele indexa muito bem e todos os conteúdos que já foram criados neles estão muito bem posicionados em termos de pesquisas no Google. Isso é ótimo para atrair tráfego para o blog e acredito que com dedicação e empenho, é uma excelente forma de alavancar o blog e trazer mais tráfego para a comunidade. Em termos de desvantagens, só vejo a exigência. Ter um fórum dá muito trabalho, requer muita paciência e muito empenho. Acompanhar os tópicos, dar respostas, eliminar spam, eliminar comentários desnecessários, etc. É um processo que exige muito tempo, e isso por vezes pode ser complicado, especialmente quando se pretende criar conteúdo para o blog.

O meu blog recebia 100 visitas por dia, até ao dia em que escrevi um artigo e o blog começou a receber 500 visitas por dia. Queria saber porque este artigo teve tantas visitas e o blog principal (os artigos todos) não conseguem ter essas visitas? Acidentalmente fiz um bom trabalho de SEO naquele artigo? (por TopNerds)

Paulo Faustino: Por vezes ser o primeiro a escrever um artigo sobre algo específico pode ser muito bom em termos de SEO e tráfego orgânico. Aqui na Escola Dinheiro temos um artigo que recebe mais de 10,000 visitas por mês, e quando o escrevemos nem sequer pensámos que isso seria possível. No entanto, é importante ir reforçando esses artigos que estão bem posicionados e tentar escrever outros conteúdos sobre coisas que os usuários procurem e pesquisem com frequência. Se o artigo deixar de receber tráfego, significa que era apenas um “hype” e que a partir desse momento deixou de gerar interesse para os usuários. É difícil dizer-lhe se foi uma boa otimização ou não, porque podem ter sido milhares de coisas. Mas esse exemplo significa que o seu blog tem competência e estrutura para conseguir receber mais tráfego do que aquele que está recebendo. Aproveite esse exemplo para tentar escrever novos conteúdos sobre coisas que as pessoas procurem ou desejem saber.

Existem alguma técnica para colocar links internos, por exemplo um blog como o escola dinheiro tem muitos post, mas existe sempre link internos para outros post mais antigos, como vocês se lembram desses posts tão antigos? (por TopNerds)

Paulo Faustino: Ainda não existem técnicas para fazer linkbuilding interno de forma automatizada, mas recentemente descobrimos o plugin Internal Links que embora ainda não estejamos usando, promete ajudar imenso na interligação de conteúdos. O novo WordPress 3.1 também já vai integrar uma nova de forma isso mais facilmente. Atualmente fazemos tudo à mão. A grande maioria dos artigos lembro-me deles. Fui eu quem os escreveu, portanto, é natural que me lembre deles e faça ligações regularmente quando acho que é uma mais-valia. Se acho que escrevi sobre um assunto e não lembro qual artigo foi, faço uma pesquisa no blog, e se encontrar algum conteúdo relevante, linko para ele também. Mas normalmente, lembro-me de praticamente quase todos os conteúdos que escrevi e então fica mais fácil encontrá-los e linkar para eles.

Paulo, Quanto mais texto eu escrever nos posts do blogger mais bem pago será o clique no Adsense? (por Perguntar e Responder)

Paulo Faustino: Os anúncios do Adsense não são melhor pagos se você escrever mais texto. A contextualização e o tipo de palavras-chave do artigo é que ditam quais os anúncios que aparecem, e consequentemente essas palavras-chave têm um preço. Os anunciantes que compram anúncios em palavras-chave no Google Adwords, leiloam posicionamentos pelo valor que estão dispostos a pagar por um clique numa determinada palavra-chave. Portanto, se você escrever sobre Vitaminas, o preço por clique é A, mas se você escrever sobre psicologia positiva, o preço é B. Não existe no entanto é qualquer relação entre a dimensão do texto e o valor por clique dos anúncios.

Além de eu receber agora o terceiro pagamento do Adsense eu gostaria de alavancar meus rendimentos. Eu tenho um blog que conta com quase 60 mil visitantes unicos por mês, e gostava de saber como alavancar meus ganhos? (por Wesley Ursão)

Paulo Faustino: Já escrevemos algumas matérias interessantes sobre como alavancar seus ganhos com Adsense, nomeadamente os artigos Como Ganhar Dinheiro com o Google Adsense e 10 formas de posicionar seus anúncios Adsense que realmente dão dinheiro. Não existe nenhum segredo quanto à monetização com Adsense. Tudo varia de blog para blog e de nicho para nicho. O seu nicho de mercado até poderá ser um daqueles que simplesmente não rende com Adsense, e posto isso, nada a fazer. No entanto, você pode fazer testes de cores, posicionamentos, formatos de anúncios e avaliar seus ganhos mês a mês até encontrar o mês que rendeu mais dinheiro e tentar utilizá-lo como formato ideal. O posicionamento de dois blocos por baixo do título das postagens, como nós usamos, normalmente apresenta excelentes resultados. Experimente e analise.

Sobre o NetAfilliation, a melhor campanha deles acredito eu é a recrutação de novos membros, mas eu fui adquirir essa campanha e deu recusado para o meu site, modifiquei alguma coisa e reenviei o e-mail pedindo a reavaliação mas nada aconteceu. Como devo proceder? (por Wesley Ursão)

Paulo Faustino: A Netaffiliation está alterando bastante o número e tipo de sites/blogs que estão usando sua campanha de angariação de novos usuários. E isso acontece porque existem blogs em determinados nichos de mercado que fazem recrutamentos sem qualidade e isso aparentemente não interessa à Netaffiliation. Se seu blog não está numa área virad para blogueiros ou webmasters, é natural que a campanha lhe seja recusada e quanto a isso você não poderá fazer muito. No entanto, existem muitas campanhas interessantes na Netaffiliation que você poderia testar em seu blog. Leia nosso artigo sobre a Netaffiliation Brasil e veja algumas das muitas campanhas que você poderia testar por exemplo.

As vezes alguns parceiros tentam uma proposta de vender algo no blog, mas eu tendo bastante visita não converte a vendas somente o link que é bastante acessado. Quais dicas você me daria para poder fazer das parcerias converter em vendas? (por Wesley Ursão)

Paulo Faustino: Conseguir gerar conversões de qualidade normalmente é algo que está sempre associado a contextualização. Se nós anunciarmos um produto ou serviço de cosmética aqui no blog, é natural que ele não converta bem para o anunciante. Para conseguir dar a seus anunciantes conversões, você deverá procurar anunciantes que estejam diretamente relacionados com o tipo de conteúdos e usuários do seu blog. Nada mais que isso.

Como alavancar o numero de seguidores do twitter? Sendo que tenho quase 500 seguidores sem utilizar nenhum tipo de script de autofollower, gostaria até de uma ferramenta que chamasse mais atenção dos leitores para me seguirem no twitter como esse seu contador na barra lateral que informa quantos seguidores tens. (por Wesley Ursão)

Paulo Faustino: Existem muitas formas de alavancar o número de seguidores no Twitter e já falámos de algumas em artigos publicados aqui no blog. Tome nota: Como conseguir mais seguidores no Twitter, 12 conselhos para conseguir mais seguidores no Twitter e ainda 10 dicas para iniciantes no Twitter. Existem muitos tutoriais e plugins que você poderá experimentar em seu blog, para mostrar seu número de seguidores no Twitter. No entanto, a melhor forma de alavancar seu número de seguidores, é trabalhando com foco nisso. Coloque links para seu perfil no Twitter em algumas das suas postagens, dê maior destaque a seus ícones do Twitter, faça promoções somente para seguidores, etc, etc, etc. Mais uma vez, é necessário realizar testes para conseguir perceber o que funciona melhor ou pior.

Estou prestes a receber o meu primeiro pagamento do Adsense. Assim sendo, gostaria de saber como se pode declarar estes rendimentos (bem como outros provenientes de programas de afiliados) nas finanças para o blogueiro comum como eu e como muitos que trabalham na internet somente a part-time. (por TV e Cinema)

Paulo Faustino: Se você não está coletado nas finanças, poderá coletar, independentemente de ter um emprego e um ordenado, para declarar somente esses ganhos extra que você faz na internet. Se não quiser coletar-se, poderá colocar seus rendimentos extra declarados no seu IRS anual como ganhos extra ou mais-valias. A forma mais interessante é coletar-se e passar recibos a todas as entidades com quem trabalha, e declarar depois esses recibos no seu IRS. É a forma mais simples e prática de o fazer, e tem um custo de 3,5EUR para o livro de recibos, nada mais.

Quando é que se pode constatar um amadurecimento do blog? (por Marcelo Goes)

Paulo Faustino: Constatar o amadurecimento de um blog é algo que acontece com naturalidade. Seu blog começa a receber mais tráfego orgânico, seus artigos começam a ficar melhor posicionados, você recebe mais comentários nos seus artigos e seu blog começa a ser falado por outros blogs e blogueiros. Não existem factores que digam exactamente que seu blog está ficando maduro, mas existem certamente alguns que lhe podem indicar que você está indo no bom caminho. Não se preocupe muito com isso. Quando seu blog estiver amadurecendo, você será o primeiro a sentir isso de uma forma natural.

Como posso fazer com que o meu site seja mais interactivo, sem exagerar…tenho apenas um livro de visitas e os bottões de redes sociais para partilha, acha de só isto serve para que o visitante volte? (por Tania Correia)

Paulo Faustino: Antes de tudo, acho que não deveria ter um blog com scroll horizontal. Em dimensões mais reduzidas, o seu template não se ajusta automaticamente à dimensão do browser do usuário e isso faz com que tenha de fazer scroll horizontal para ler seus conteúdos. Isso, afasta leitores. Segundo, acho que o Livro de Visitas é algo muito oldschool. Já não se usa, não tem utilidade e não tem interesse para o blog. Sua preocupação deverá passar por tentar levar seus leitores a comentarem seus conteúdos, dar-lhes respostas e mantê-los contentes com isso. Para tornar o site mais interativo, considere usar uma caixa de fãs do Facebook, um widget do Twitter ou simplesmente realizar um concurso para seus leitores. A interactividade é algo que depende de vários factores, e aquilo que resulta para uns, pode não resultar para outros. Só realizando testes é que você saberá o que funciona ou não. Para que seus leitores voltem, a única coisa que você deverá fazer é escrever conteúdo de qualidade e que ajude seus leitores a resolver um problema, a atingir um objetivo ou simplesmente a saciar uma dúvida. O conteúdo de qualidade é aquilo que faz as pessoas voltarem, não propriamente os ícones de mídias sociais ou um Livro de Visitas.

Meu blog está para completar seu 1º ano de vida, e acho que ele já poderia render mais…Em 1 ano baterá a casa das 200.000 visitas, no entanto os rendimentos ainda são irrisórios: R$ 200,00 no afiliados submarino, e U$$ 37,00 no adsense…É assim mesmo? Devo ter paciência? Ou devo corrigir erros para melhorar os rendimentos? (por Douglas dos Santos)

Paulo Faustino: Se existem erros, sim, deverá resolvê-los. Se o problema não forem erros, mas sim uma má estratégia de monetização, deverá procurar uma forma de melhorar seus rendimentos. No entanto, pelas contas que realizei, seu blog recebe cerca de 15 mil visitantes únicos por mês, o que dá uma média de 500 visitantes únicos por dia. Ainda não é um valor muito alto. Para conseguir ganhar mais dinheiro, você deverá otimizar corretamente seu blog, melhorar seus posicionamentos de anúncios, mas acima de tudo, atrair mais tráfego orgânico dos buscadores. É o tráfego orgânico que irá fazer aumentar seus rendimentos. E obviamente, ter paciência é fundamental neste meio. Se acha que seu blog poderia estar rendendo mais dinheiro, melhore-o de acordo com esse objetivo. Faça testes, explore, analise resultados e chegue a conclusões.

Então, em um Artigo qual é mais importante se tratando de SEO, o Titulo ou o Conteúdo? (por Marcos Gambira)

Paulo Faustino: A otimização para motores de busca é importante num todo, e não somente num ou outro aspecto. Ter um bom título é muito importante, mas o próprio conteúdo deverá acompanhar, caso contrário você não consegue um bom rankeamento. Otimizar corretamente o título, escrever conteúdo relevante, de qualidade e único, criar uma boa meta descrição para o artigo, e definir corretamente suas meta keywords, é fundamental para o sucesso do rankeamento desse artigo. Por isso, não se foque somente num aspecto, mas sim em todos eles.

Qual o momento certo para se pensar em trocar de Theme para o Blog? Quais os principais fatores devem ser levados em consideração? (por Marcos Gambira)

Regina Santana: Penso que mudar de template num blog é algo que só deverá acontecer no mínimo de 2 em 2 anos. Estar constantemente mudando de layout revela amadorismo, inconformismo e também deixa seus leitores um pouco confusos. Quanto à altura certa para mudar e os fatores de decisão, penso que o mais importante é a análise que se faz das tendências existentes. Para quem muda de layout somente de 2 em 2 anos, durante esse período muita coisa muda, novas tendências surgem, novos templates mais atrativos, novas formas de comunicar com os leitores, etc. Conseguindo perceber corretamente que seu template já não satisfaz todas as necessidades que deveria, significa que está na hora de o trocar. O mesmo acontece quando seu template já não espelha corretamente a imagem de seu blog. Isso foi o que aconteceu aqui na Escola Dinheiro. O nome e o template antigo já não espelhavam corretamente o trabalho que aqui se fazia, agora mais profissional, e isso levou-nos a trocar de tema e a recriar a nossa própria imagem.

Sei que o Forex é bastante tentador para os iniciantes. Mas como todos nós sabemos nem tudo são flores. Então quais as 5 principais tentações que devemos evitar quando estamos no nível iniciante? (por Marcos Gambira)

Muhammad Satar: Boa Pergunta. Podia colocar as 100 tentações, mas isso deixo para um futuro artigo. Em 5 pontos o iniciante tentado pelo “milagre forexiano” pensa assim:

  • Acredito que tudo é um mar de rosas e vou colocar todas as minhas poupanças no Forex;
  • Acredito que todos ganham dinheiro no Forex e que eu sou o único a não ganhar;
  • Vou comprar o sistema de trading milagroso! Custa 1000$ e faz 10.000$ por ano segundo os criadores;
  • Vou alavancar o meu dinheiro ao máximo! Wow, transformei 1000$ em 500.000$. E depois ganhei 2000$. Vou fazer isto novamente!
  • Neste broker oferecem-me 4.000€ de bónus*. É este o meu broker!! (* normalmente os utilizadores iniciantes não chegam a ler o que está no asterisco).

Dizem que o uso de agregadores aumenta as visitas e que boa parte delas não são de qualidade, o que pode aumentar a taxa de rejeição do blog porque eles passam menos tempo no blog. Como aumentar as visitas sem aumentar a taxa de rejeição quando se usa o agregador de conteúdo? (por Ana Karenina)

Paulo Faustino: Não existe grande salvação quanto à taxa de rejeição enviada por alguns dos agregadores de conteúdos. É possível conseguir diminuir o valor da taxa de rejeição com algumas técnicas, nomeadamente a linkagem para outros artigos. A taxa de rejeição é algo que está associado ao número de páginas que o utilizador lê, portanto, se você conseguir com que ele leia mais do que um artigo, sua taxa de rejeição baixa. Penso que a melhor forma de contornar isso é escrevendo conteúdos de qualidade com regularidade. Dessa forma você consegue combater a taxa de rejeição dos agregadores com uma taxa de rejeição natural mais baixa.

Gostaria de saber como aumentar os assinantes de feeds sem perder muito a quantidade de visitas? Que tipo de estratégias adotar para fidelizar cada vez mais o assinante de feed sem perder as visitas do blog? (por Ana Karenina)

Paulo Faustino: Ter muitos assinantes de feed não significa que seu blog esteja perdendo tráfego, antes pelo contrário. Um bom conteúdo, com muita linkagem interna para outros artigos, faz com que seus subscritores saltem do leitor de Feeds para seu blog a fim de lerem as outras matérias que você recomenda. Isso significa tráfego. No caso de você sentir que está perdendo tráfego, você poderá utilizar a lista de subscritores e enviar-lhes uma newsletter semanal indicando os melhores conteúdos da semana no blog, as melhores discussões, etc. Dessa forma, você puxa seus subscritores para o seu blog e volta a ganhar tráfego. Não existe correlação antes subscritores e tráfego. Se você tiver seus conteúdos bem posicionados nos motores de busca, seu tráfego é constante e rotativo, dado que a mesma pessoa não passa o ano inteiro pesquisando no Google pela mesma coisa. Aqui na Escola Dinheiro, nosso número de subscritores tem vindo a subir de forma muito acelerada, mas nosso tráfego também. Não se preocupe em demasia com isso, mas sim em escrever conteúdos de qualidade e que interligar corretamente seus conteúdos entre si. Isso faz com que seus subscritores saltem para seu blog para ler determinadas matérias.

GOSTOU DESTA INICIATIVA?

Deixe-nos o seu feedback relativo a esta nossa iniciativa e de que forma a poderemos melhorar. Esta foi asegunda experiência, a qual recebeu bastante adesão de nossos leitores, mas que no futuro gostaríamos que tivesses a participação de muitos mais. Este artigo demorou mais de 5 horas a preparar, portante, deixe-nos seus comentários e feedback! Eles são muito importantes para nós!

Até Já!

Artigos
Relacionados

Comentários (45) Interações no Twitter (16)

Gostou desse artigo?

Partilhar Comentar

Tweetar Artigo

  • Jóni Oliveira

    Antes de mais, obrigado pela resposta!
    Sem dúvida, bastante esclarecedora.
    Boa continuação.

    11/12/2010

    Responder
  • Gráfica e Brindes

    Muito bom Paulo!
    Esta iniciativa está sendo maravilhosa, pois nós, como leitores podemos discutir e tirar pequenas dúvidas e curiosidades de maneira simples. E para você, acredito que é muito valiosa também esta interação com os leitores. Parabéns!
    Por esta iniciativa e por outras que este projeto vale muito mais do que 250.0000 Euros;)

    Obrigado por esclarecer minha dúvida!

    Grande abraço
    Eder

    11/12/2010

    Responder
  • Elson

    Muito Obrigado :)

    12/12/2010

    Responder
  • Wesley Ursão

    Olá Paulo,

    Parabéns por mais essa iniciativa, fiquei bastante satisfeito com as perguntas respondidas, muito obrigado por tirar minhas duvidas e parabéns pelo conteúdo de qualidade que sempre vejo na Escola Dinheiro.

    Sucesso sempre!

    12/12/2010

    Responder
  • Ricardo Silva

    Olá Paulo, Regina e Muhammad.

    Muito obrigado por me responderem às dúvidas.

    Continuem o excelente trabalho ;)

    12/12/2010

    Responder
  • Ricardo Silva

    Paulo, penso que as letras dos títulos das perguntas poderia ter mais espaçamento entre linhas. Fica um pouco confuso de se ler.

    É de noite e estou de luzes apagadas apenas com o monitor ligado. Como estou a ler tudo, ler as perguntas não me incentiva muito continuar a ler ;)

    Abraço

    12/12/2010

    Responder
  • Matheus

    Olá Paulo,

    Obrigado por responder minha pergunta, a resposta irá me ajudar muito!

    Abraço!

    12/12/2010

    Responder
  • Marcelo Pereira

    Bastante interessante a iniciativa e certamente ajudou muita gente.

    Paulo, queria te perguntar se já alguma vez tiveste problemas com pagamentos da Netaffiliation.

    Recentemente ouvi umas coisas não muito agradáveis sobre essa plataforma.

    Obrigado.

    12/12/2010

    Responder
  • Ana Karenina

    Olá Paulo

    Muito obrigada por responder minhas perguntas.

    Você tem realmente razão quando diz que conteúdos diversificados podem atrair mais tráfego orgânico (dos buscadores), percebo um crescimento gradual nesse tipo de acesso no meu blog que hoje está em torno de 60%, sempre pra conteúdos diferentes porque não fico presa ao mesmo assunto porque imagino que deve cansar o leitor, tento intercalar com postagens de opinião mas também com dicas pra ajudar os leitores com algo que aprendi e percebi.

    Tenho investido também nos links internos como recomendam, pra lembrar dos conteúdos a serem linkados eu indicaria para os blogueiros que criem índices(mapa do site) de conteúdo do blog, assim temos noção do que foi escrito sobre cada tema abordado no blog.

    Quanto aos agregadores realmente nem todos os posts são bons pra divulgar neles, visto que os agregadores já tem os temas que atraem mais o público, o desafio é achar o conteúdo do nosso blog que mais se aproxime dos temas dos agregadores.

    É isso, valeu Paulo. Um Abraço.

    @anakint

    12/12/2010

    Responder
  • Miguel

    Muito obrigado pela resposta bastante esclarecedora.
    Continuem o bom trabalho!
    Abraço

    12/12/2010

    Responder
  • TopNerds

    "Paulo, penso que as letras dos títulos das perguntas poderia ter mais espaçamento entre linhas. Fica um pouco confuso de se ler" apoio

    Obrigado pelo esclarecimento escoladinheiro FTW xD

    12/12/2010

    Responder
  • Jonathan [JCM]

    Ótima leitura. :D
    Sobre a pergunta sobre o conteúdo adulto no adsense, deve-se ressaltar, que existem as contas Google Premium, que praticamente não possuem regras, apenas a de não clicar nos links e não pedir para os visitantes fazerem isto, de resto, pode-se praticamente tudo, desde colocar em página de conteúdo erótico quanto em sites de apostas.
    O problema, é que para ter conta adsense Premium, precisa-se receber um convite de dentro da própria Google, e para isto, tem que-se ter um ótimo site. ^^

    12/12/2010

    Responder
  • Rubens

    Obrigado por responder minha pergunta Paulo.

    Realmente os PTCs/GPTs tem ganhos irrisórios, mas com um pouco de dedicação e sorte(do site não virar scam, rs) pode-se obter um lucro pequeno ou médio com eles.

    Exemplo disso é o NeoBux e o ClixSense que estão online há muitos anos e tem pagado certinho todos os usuários. Com um investimento em upgrades e alugueis de referidos pode-se conseguir um bom lucro mensal para quem está iniciando no mundo do "ganhar dinheiro na internet".

    Concordo com sua opinião com relação a "forçar" as pessoas a ver propagandas e serem remuneradas por isso, realmente não é uma atitude muito boa. Mesmo assim, este tipo de negócio ainda é o único mais acessível a mim(e outros como eu, prova disso são os mais de 1.2 milhões de usuários do ClixSense, por exemplo), por não ter que fazer investimentos obrigatórios, pelo baixo risco de perda(ao contrário do Forex por exemplo) e por ser mais fácil de obter rendimentos que usando sites como Netaffiliation, AdSense, etc.

    Nos próximos meses, pretendo estar lucrando pouco mais de $35/mês com um único site, sendo que esse valor poderá ser dobrado nos meses seguintes. Isso para mim será um ótimo rendimento, e com ele poderei iniciar investimentos em outros tipos de negócios como Forex, Hyip, binários e outros que precisam de investimentos para começar a usá-los.

    Espero que os novos investimentos tenham resultados superiores aos ganhos com PTC, pois a partir desse momento eu abandonarei completamente sites PTC/GPT.

    Acredito que conseguir indicados na Netaffiliation sejam muito mais rentáveis que as próprias campanhas PPC. Sites como Netaffiliation ainda tem um certo grau de dificuldade de obter lucro, pelo menos pra mim. Por isso ainda não tenho tanto interesse em utilizá-lo.

    Essa é minha opinião com relação a este assunto, e respeito sua opinião mesmo que seja contrária ao que eu disse e concordo parcialmente com você sobre PTC/GPT.

    Mais uma vez, obrigado pela opinião e sucesso.

    12/12/2010

    Responder
    • Realmente PTC, pode sim, dar lucro.
      Muitos entram para sites PTC por ser fácil conseguir dinheiro e apenas para retirar uns trocados por mês, e já outros entram como investidores de verdade, retirando belas fortunas, com retiradas de mais de US$2.000.

      Mas como sempre, assim como em todo tipo de modo de se ganhar dinheiro, Investimento gera Lucro.

      12/12/2010 Jonathan [JCM]

      Responder
  • Water

    Obrigado pela opinião, mas acredito que sua resposta será radicalmente mudada dentro de no máximo 3 anos! Deixa o Facebook search chegar...

    13/12/2010

    Responder
  • Roberto Lima

    Paulo, muito bom dia!
    Grato pelas respostas. Já estava de fato me encaminhando par ao WordPress, havia visto a diferença de crescimento de ambos (WP e Joomla) e obtive mais respostas (a perguntas que formulei) de pessoas da comunidade WordPress.
    Vou investir em conhecer mais o funcionamento do WordPress e mudar meu sitio. Ainda não sei se o faço todo em localhost e subo de uma vez ou se tenho outra maneira para não perder os links em cache no Google e o pagerank.
    Abraços e boa semana.

    13/12/2010

    Responder
  • tania correia

    agradeço já a atenção, e a resposta..mas fico confusa sobre a parte em que diz que é preciso fazer scroll horizontal da minha página para poder ler o conteudo. No meu computador isto não acontece...aparece a página a 100% normal. Como acha que posso resolver isto? será que se diminuir a % da resolução irá resolver o problema? eu utilizo o rsv builder, portanto toda a ajuda será bem vinda.

    agradeço já. Tania

    13/12/2010

    Responder
  • Tomé Ferreira

    Gostei muito da iniciativa Paulo.
    Espero participar da próxima!
    Para mim também foi um alívio, pois achava que só eu gastava 3 e até 4 horas para escrever alguns artigos (entre pesquisa, preparo de imagens, etc).
    Grande abraço!

    13/12/2010

    Responder
  • Testados e Aprovados

    Obrigado por ter respondido a minha dúvida.

    13/12/2010

    Responder
  • Eduardo

    Parabéns pela iniciativa, gostaria de saber como funciona o sistema de doações via paypal, ele é automatizado, funciona?
    Tenho um blog conforme o link que aborda assuntos empresariais, e ele ta com mais de 160 artigos e trabalho com 10 colunistas, porém estou querendo melhorar as visitas e a rentabilidade e gostei muito dessa idéia, o adsense não da grandes ganhos.
    Também estou pensando em deixar o blog com mais cara portal, parecido com o seu para destacar mais os artigos melhores, e melhorar a qualidade do blog.

    Mais uma vez parabéns pelo trabalho.
    Abraço

    http://www.drsa.com.br se quiser conferir

    14/12/2010

    Responder
  • Dar Presente

    Seu blog esta cada dia mais incrivel, e as resposta ajudam nao só quem fez a pergunta mas a todos nós que acessamos o Escola Dinheiro.

    14/12/2010

    Responder
  • Escola da Saúde

    Excelente artigo, li por e-mail e agora vim aqui no blog prestigiar.

    Parabéns, me tirou várias dúvidas.
    Abraço

    14/12/2010

    Responder
  • Tomé Ferreira

    Ocorreu me neste momento uma dúvida sobre o "PopUp Domination" Paulo.
    Ele não seria um tanto quanto invasivo ou insistente demais (não falo por mim, mas é uma dúvida)?
    VocÊs tiveram alguma queixa?
    Fizeram pesquisa ou enquete sobre o assunto?

    Grande abraço!

    15/12/2010

    Responder
    • Olá Tomé, obrigado pelo comentário! O PopUp Domination não é assim tão intrusivo quanto parece, porque você pode configurar a forma como ele aparece para seus leitores, como por exemplo de 7 em 7 dias, somente para novos visitantes, etc. De momento não tivemos nenhuma queixa, antes pelo contrário, nossos assinantes ficam bastante contentes por puderem descarregar nosso Ebook gratuitamente. Pensamos que essa é uma situação win-win em que ambos saem ganhando. O blog recebe novos subscritores e aumenta sua audiência, e o leitor recebe um Ebook gratuito com 100 páginas recheadas de conteúdos de qualidade.

      O PopUp Domination é somente a melhor ferramenta que alguma vez comprámos e recomendamos vivamente a todos os blogueiros.

      Abraços

      16/12/2010 Paulo Faustino

      Responder
      • Olá Paulo.
        Seu esclarecimento foi satisfatório.
        Em um futuro próximo pretendo usar algo assim.
        Preciso agora bolar algum brinde para que compense meus leitores.
        A princípio pensei em algum tutorial sobre Photoshop, CorelDraw ou InDesign (softwares editores de arte) pois como sou Designer Gráfico conheço um pouquinho do assunto.
        Abraços!

        16/12/2010 Tomé Ferreira

        Responder
  • Gloria Vargas

    Gostei muito da iniciativa Paulo. Espero participar da próxima! Para mim também foi um alívio, pois achava que só eu gastava 3 e até 4 horas para escrever alguns artigos (entre pesquisa, preparo de imagens, etc). Grande abraço!

    25/12/2010

    Responder
  • Jesimiel

    Muito bom o artigo, quando terá a próxima edição?

    13/11/2011

    Responder

Deixe seu comentário

Seu Gravatar

Para você partcipar dessa lista tem de estar cadastrado no Twitter. Cadastre-se agora!

Rede Escolas Plus

  • Psicologia

    Artigos sobre Psicologia, Motivação e muito mais, de uma forma prática e simples que lhe permitem melhorar a sua vida pessoal e profissional.

  • Criatividade

    Melhore a sua Criatividade através de tutoriais de desenvolvimento web, webdesign, dicas de inspiração, e muito mais.

  • WordPress

    Torne seu WordPress numa verdadeira máquina com nossos artigos, templates exclusivos, plugins e tutoriais totalmente em português.

  • Freelancer

    Arrisque em sua carreira de Freelancer seguindo nossas estratégias, dicas e recomendações, e leve seu negócio ao sucesso já hoje.

  • Apostas

    Gostava de ganhar dinheiro com seus palpites sobre esportes? Siga nossos tutoriais e dicas sobre como fazer apostas esportivas.