WiNNER

Análise Técnica: 7 Padrões do Dinheiro no Forex

A análise técnica tende a predominar entre os que iniciam no Forex, porque é a forma mais fácil de simplificar os movimentos de preços. É nessa regra que os padrões no Forex, que analisámos na semana passada, facilitam a interpretação de acontecimentos-chave no decurso do movimento de preços. Depois de estudarmos os triângulos simétricos, triângulos descendentes e ascendentes, vamos hoje olhar para os duplos-fundos e triplos-fundos, duplos-topos e triplos-topos, chávens, cabeça e ombros e cabeça e ombros invertida. À primeira vista, parece talvez uma aula de anatomia, mas não é bem assim. Estes são nomes engraçados que são dados a este tipo de padrões, mas na prática se observarmos esses padrões percebemos de imediato o seu significado. São padrões também comuns e muito apreciados pelos que adoram Análise Técnica.

Toda a análise que vamos faer terá como base a plataforma MetaTrader alojada pela FinFx, corretora Finlandesa. Os gráficos são similares à plataforma Alpari UK.

Sob a forma de lista, vamos analisar:

  • Duplo topo
  • Duplo fundo
  • Triplo topo e triplo fundo
  • Chávenas com asa (Cup and Handle)
  • Chávenas com asa (Cup and Handle) inverida
  • Cabeça e Ombros
  • Cabeça e Ombros invertido

DUPLO E TRIPLO TOPO

Um duplo topo é formado após a existência de um grande movimento altista, ou seja, uma tendência compradora. Os topos são os valores onde o preço encontra um nível de resistência e não consegue romper (tudo em termos psicológicos).

  1. Então, após ter atingido este nível o preço irá descer ligeiramente até um suporte próximo;
  2. Mas depois testará novamente a resistência e caso não a consiga superar, cairá e testará novamente o pequeno suporte;
  3. Caso rompa o suporte, dizemos que foi formado um duplo topo;
  4. Como opção estratégica, abrimos por exemplo uma posição vendedora abaixo e sempre abaixo desse suporte. Não abra no valor do suporte. Apoie-se também noutros indicadores como o Estocástico, o Parabolic SAR e outros indicadores de tendência como as médias móveis para confirmar este movimento.

No Caso do triplo topo, o raciocínio é o mesmo. Mas após o segundo toque no suporte os compradores ainda têm “força” e conseguem levar novamente o preço a testar a resistência, e, caso não a consigam superar, regressam à base, ao suporte, e com alguma probabilidade este suporte é quebrado e assim podemos abrir uma posição curta.

Visto que nunca sabemos quando é que existe um duplo topo ou quando é que haverá um triplo topo, e porque nunca sabemos se o mercado terá ainda força para relançar-se e atingir máximos superiores à resistência devemos deixar sempre as ordens de venda sempre abaixo desse curto suporte. Este suporte é muitas vezes designado como “linha do pescoço” ou em inglês “neck line” devido a outro padrão, a Cabeça e Ombros invertida.

DUPLO E TRIPLO FUNDO

A analogia é a mesma, só que por seu turno, desejamos abrir posições longas e não curtas, e acontece após uma forte tendência descendente. No gráfico observamos que são formados como que dois fundos porque o preço não foi capaz de ir mais abaixo, porque havia uma forte resistência nessa zona. Isto é um sinal de que a pressão vendedora pode estar a terminar e que uma reversão pode vir a acontecer. Nesta situação colocamos uma ordem de compra acima da linha do pescoço, ou seja, acima daquela resistência de curtíssimo prazo. O mesmo se aplicaria a um triplo fundo, só que teríamos três fundos, ou seja, três toques no grande suporte.

CHÁVENA COM ASA E CHÁVENA COM ASA INVERTIDA

O “cup and handle” assim conhecido assemelha-se a uma chávena com asa. Ou seja, teremos no gráfico uma chávena em forma de um U e depois uma asa também em U, mas um U mais pequeno. A asa deve ter um volume de negociação menor (visível se for em acções). Quando um par de Forex está nesta situação, parece estar a testar uma zona de resistência, mas que não consegue ultrapassar, então existe uma pressão vendedora relativamente forte, até que se encontre uma base. Assim que forma a base o preço está disponível a testar novamente essa resistência, mas quando a testa não consegue ultrapassar porque há alguma pressão vendedora. Só que esta pressão já é menor, e então o preço não desce assim tanto como na primeira vez, e, como tal, testa novamente a resistência e com um forte volume, com uma forte pressão compradora, consegue ultrapassa-la e atingir novos máximos.

O caso das chávenas invertidas ou inverted-cup-and-handle, é curioso, porque no fim parecerá que você tinha a chávena cheia de chá ou café e que a inverteu queimando o mercado por completo. As chávenas com asa invertidas são realmente muito “lucrativas” porque são talvez as mais difíceis de as encontrar, mas que revelam o sentimento do mercado (no sentido em que não nos é logo óbvio que estamos perante uma cup-and-handle invertida, mas existem milhares delas à nossa frente e não reparados, daí a dificuldade de as encontrar). No caso, atingimos um suporte mas não o conseguimos quebrar, logo existe uma recuperação fortíssima do mercado com um aumento da tendência compradora, mas esta é de pouca dura e a pressão vendedora regressa novamente, atingindo de novo o suporte mas sem que se o consiga quebrar. Mais uma vez há um regresso da pressão compradora e há ligeiríssimas subidas. Todavia, a pressão vendedora é mais forte e quebra-se mesmo os suporte e as quedas continuam.

CABEÇA-E-OMBROS E CABEÇA-E-OMBROS INVERTIDA

Olhamos acima para a figura mais engraçada do mercado e ocorre com frequência em vários pares de Forex e em vários períodos de tempo. É claro que as figuras com períodos de tempo maior têm uma melhor validação, mas as cabeças e ombros têm sempre grande probabilidade de sucesso qualquer que seja o período de tempo (timeframe). “Head and Shoulders” é o nome em inglês e não se trata de nenhuma promoção a algum champô, mas sim de uma promoção ao seu capital, sendo que se aproveitar estas figuras poderá ganhar algum dinheiro.

O Head and Shoulders é mais um padrão de reversão:

  • É formado por um máximo relativo, o ombro esquerdo, depois um máximo mais alto, a cabeça, e por último, um outro máximo relativo mais baixo que o da cabeça, o ombro direito;
  • Traça-se a linha do pescoço conectando os mínimos relativos, ou seja, os mínimos gerados pelas zonas entre os ombros e a cabeça;
  • Por vezes temos corpos “tortos”, ou seja, quando a inclinação da linha do pescoço é negativa, estamos perante uma excelente situação para negociação, mas, por outro lado, se a linha do pescoço tem inclinação positiva, existem maiores probabilidades de falha.

Procuramos então abrir uma posição curta abaixo da linha do pescoço. É possível calcular um valor de Take-Profit, ou seja, de objectivo, reproduzindo a distância entre a cabeça e o pescoço abaixo da linha do pescoço. Nesse caso poderia fechar por exemplo 50% da sua posição e colocar um stop-loss acima da zona do pescoço. São vários os setups que poderá experimentar e dou-lhe liberdade para o fazer.

O mesmo acontece num Head and Shoulders invertido, em que é formado por um mínimo relativo, o ombro esquerdo, depois um mínimo mais baixo, a cabeça, e por último, um outro mínimo relativo mais alto que o da cabeça, o ombro direito. Traça-se a linha do pescoço conectando os máximos relativos, ou seja, os máximos gerados pelas zonas entre os ombros e a cabeça. Por vezes temos também corpos tortos, ou seja, quando a inclinação da linha do pescoço é positiva, estamos perante uma excelente situação para negociação, mas, por outro lado, se a linha do pescoço tem inclinação negativa, existem maiores probabilidades de falha.

Tome nota que todos os exemplos dados acontecem imensas vezes, mas terá que ter em mente que as situações não são 100% nem 50% garantidas, por isso coloque um stop-loss para previnir perdas. Terminamos assim a nossa série de artigos sobre análise técnica (simples). Vamos em frente com o estudo da plataforma Metatrader e com um sistema de trading “supresa” que colocarei na próxima semana.

Até já!

Artigos
Relacionados

Comentários (23) Interações no Twitter (12)

Gostou desse artigo?

Partilhar Comentar

Tweetar Artigo

  • alexa.dre

    num entendi nada do que vc estava falando, num sei o que é forex, bom post, para não perder a tradição

    03/03/2011

    Responder
  • Francisco

    Obrigado pelo artigo. Continue com o bom trabalho ;)

    03/03/2011

    Responder
  • Ivanildo

    Muitos parabens pela série de artigos. Gostaria que me esclarecesse uma duvida fora deste artigo: bull and bear. Eu percebi a base dos calculos, mas na pratica nao percebi quando é que devemos fazer uma compra ou uma venda, bem como as stoplosses... se fosse possivel exemplificar com um exemplo ainda melhor.

    Uma última questao, que material eletronico aconselha para estudar estrategias basicas e começar a entrar no mundo?

    Muito obrigad.

    04/03/2011

    Responder
  • Breno

    Um pouco fora do post , preciso de uma ajuda. Tenho R$3.000,00 e gostaria de investir em algo seguro , o lucro nao precisa ser tão grande, mas gostaria de investir para q nao fique parado na poupança ganhando o mizero 0.6 % ao mes qndo da isso neh ! O que vc me indicaria ? aguardo resposta grato !

    13/03/2011

    Responder

Deixe seu comentário

Seu Gravatar

Para você partcipar dessa lista tem de estar cadastrado no Twitter. Cadastre-se agora!

Rede Escolas Plus

  • Psicologia

    Artigos sobre Psicologia, Motivação e muito mais, de uma forma prática e simples que lhe permitem melhorar a sua vida pessoal e profissional.

  • Criatividade

    Melhore a sua Criatividade através de tutoriais de desenvolvimento web, webdesign, dicas de inspiração, e muito mais.

  • WordPress

    Torne seu WordPress numa verdadeira máquina com nossos artigos, templates exclusivos, plugins e tutoriais totalmente em português.

  • Freelancer

    Arrisque em sua carreira de Freelancer seguindo nossas estratégias, dicas e recomendações, e leve seu negócio ao sucesso já hoje.

  • Apostas

    Gostava de ganhar dinheiro com seus palpites sobre esportes? Siga nossos tutoriais e dicas sobre como fazer apostas esportivas.

Subscribe to our mailing list

* indicates required Primeiro Nome * Endereço de Email *